• Equipe Amplus

Entenda a importância do PCA: Programa de Conservação Auditiva



O PCA, ou Programa de Conservação Auditiva, é um dos programas mais importantes para a saúde dos trabalhadores que estão diariamente expostos a ruídos.

Se a sua empresa ainda não possui um PCA ou não sabe como ele funciona, acompanhe o nosso artigo. Aqui, você verá as respostas para as seguintes perguntas:

1. O que é o PCA?

2. Como esse programa funciona?

3. Quais os objetivos desse programa?

4. Quais os principais benefícios do PCA?

5. Como implementar o PCA na empresa?

Preparado? Então siga a leitura!

O que é o PCA?

O Programa de Conservação Auditiva (PCA) consiste em um conjunto de práticas obrigatórias, previstas na Norma Regulamentadora nº 09 do Ministério do Trabalho, que visam preservar a saúde auditiva dos colaboradores.

Conforme a lei, todas as organizações que exercem atividades que expõem os trabalhadores a níveis de ruído acima de 80db devem implementar o programa. É por isso que todas as medidas estipuladas pelo PCA têm como foco a prevenção e redução das perdas auditivas ocupacionais.

Vale lembrar que a perda auditiva ocorre quando um trabalhador é exposto a níveis de ruídos superiores aos limites de tolerância. Então, para que essa exposição não aconteça, várias ações são planejadas e implementadas, como você verá a seguir.

Como o Programa de Conservação Auditiva funciona?

Existem diversas etapas que contemplam o PCA, como o planejamento, a execução e a gestão das ações de conservação auditiva. Tudo o que é estabelecido no trabalho deve proteger a saúde dos colaboradores expostos a ruídos excessivos.

O planejamento do programa precisa ser inteiramente documento. Esse documento só pode ser elaborado e assinado por um especialista da área da saúde ou de segurança do trabalho, como fonoaudiólogo, médico do trabalho, engenheiro de segurança no trabalho, enfermeiro do trabalho ou técnico de segurança no trabalho.

Após a documentação do PCA, é preciso colocar as medidas de proteção e controle em prática. Na execução, devem conter ações como:

  • Realização de exames de audiometria para avaliar nível de audição de cada profissional;

  • Atualização dos exames a cada seis meses ou um ano, dependendo do nível de exposição;

  • Em caso de perda auditiva, encaminhar o colaborador para os tratamentos médicos adequados;

  • Acompanhamento dos trabalhadores que apresentaram uma piora da perda auditiva;

  • Controle dos fatores ambientais e administrativos que podem provocar perdas auditivas;

  • Fornecimento e gerenciamento dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI).

Para um controle eficaz, além da atuação do profissional de saúde e segurança do trabalho, deve haver também a parceria com todos os setores da empresa. Dessa forma, os objetivos do PCA são cumpridos com sinergia.

Mas afinal, que objetivos são esses?

Quais os objetivos desse programa?

O principal objetivo do Programa de Conservação Auditiva é a prevenção da perda auditiva. Para isso, os objetivos que se ramificam dessa proposta são:

  • Identificar as atividades que expõem os colaboradores a ruídos;

  • Controlar a exposição aos ruídos;

  • Diagnosticar a perda auditiva ou os problemas de audição dos colaboradores;

  • Fornecer as melhores condições de trabalho para a equipe;

  • Adequar a empresa as exigências previstas por lei;

  • Reduzir os custos associados à insalubridade e às multas trabalhistas.

Quais os principais benefícios do PCA?

O PCA proporciona diversos benefícios para a empresa e para o bem-estar dos profissionais que nela atuam.

Um dos principais benefícios é, evidentemente, a redução do número de acidentes e de doenças ocupacionais. Esse benefício traz, por consequência, outras vantagens, que são a melhoria das condições de trabalho e a redução de gastos com afastamentos, tratamentos e indenizações trabalhistas.

Além disso, a implementação do PCA contribui também para a produtividade dos colaboradores, que se sentem mais seguros, confortáveis e sem o estresse causado pelo ruído elevado.

Por último, mas não menos importante, vem o fato de que seguir o PCA à risca é essencial para que a sua empresa cumpra as exigências previstas pelo Ministério do Trabalho. Ou seja: ao cumprir as normas, você fica livre de multas, autuações, interdições e até mesmo ações judiciais.

Pronto para implementar o PCA na sua empresa? Então conte com o time da Amplus! Nossos profissionais da área da medicina e da engenharia do trabalho estão prontos para elaborar esse programa e garantir a segurança do seu negócio.

Fale conosco!


28 visualizações0 comentário